Universidade Federal Fluminense Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre as Atividades de Enfermagem - NEPAE Núcleo de Estudos sobre Saúde e Etnia Negra - NESEN  
 
Métodos Dialíticos e Transplante
 
MDT

Enfermagem em Métodos Dialíticos e Transplante

 

Meta

 

Cuidado do cliente com insuficiência renal crônica ou aguda, assim como de candidatos a transplante de órgãos e tecidos, receptores e doadores vivos (e suas famílias) com competência e sensibilidade

Finalidade

 

Desenvolvimento de expertise e aprofundamento do conhecimento no campo do cuidado ao(à) paciente submetido a terapias dialíticas ou ao transplante de órgãos ou tecidos. Os(as) pós-graduandos(as) deverão ser capazes de realizar habilidades avançadas no cuidado de pacientes críticos utilizando o processo de enfermagem. O curso capacita para atuar como enfermeira(o) líder de equipe, educadora e pesquisadora na área de nefrologia e transplante.

Objetivos de aprendizagem

 

Diagnosticar e tratar as respostas do cliente em insuficiência renal aguda e crônica, assim como candidatos ao transplante, receptores e doadores.
Prestar cuidados de enfermagem de alta complexidade ao cliente na Unidade Diálise, Hemodiálise, CAPD e Transplante (candidatos a órgãos e tecidos, assim como doadores, principalmente no pré e pós-operatório) no contexto do Sistema Único de Saúde, além da prática liberal; e Efetuar uma reflexão crítica sobre a assistência na forma de um artigo científico dada pelas normas do Journal of Specialized Nursing care

Atividades

 

Aulas
Discussão em grupo/fóruns
Seminários
Apresentação de casos clínicos
Projeto de pesquisa “enfermagem baseada em evidência”
Participação em eventos científicos, simulações, etc

Avaliação

 

Seminários de prática baseada em evidência
TCC (projeto, publicação e poster)
Atividades teórico-práticas de desenvolvimento profissional

Critérios de promoção
 

Haverá avaliações sob responsabilidade da Coordenação de Curso. Os TCCs concluídos serão submetidos e avaliados pelos revisores do JSNC (mestres e doutores em enfermagem) e, uma vez aprovados, serão publicados.

O aluno com média entre 6 e 6,9 no bloco teórico poderá realizar prova de suplência até dezembro, devendo, para isso, pagar taxas e requerer a prova devida na Secretaria da Coordenação.

O aluno não aprovado no TCC era direito a uma única revisão do mesmo para nova avaliação, sem ônus. Atrasos preveêm multas.

Aqueles que obtiverem avaliação igual ou superior a 7,0 (sete) satisfatória nos módulos teóricos, no treinamento em serviço e no Trabalho de Conclusão de Curso e, além da nota, demonstrarem pontualidade e assiduidade, importantes indicadores do interesse e dedicação do/a aluno/a, com uma freqüência mínima em sala de aula é 75% e 60% no Ambiente Virtual de Aprendizagem, receberão o certificado de especialista emitido pela Universidade Federal Fluminense.

TCC

O trabalho de conclusão de curso será elaborado a partir de protocolo determinado pela Coordenação e será concomitante ao bloco teórico e teórico-prático sob supervisão da Coordenação de Curso. Na hipótese de o aluno não concluir até dezembro do ano corrente, em tempo hábil para a submissão no JSNC, ele terá um prazo complementar a se definido e divulgado pela Coordenação, para a submissão do trabalho de conclusão mediante o pagamento de mensalidades por atraso.

Será cobrada uma mensalidade para cada aluno que não entregar o Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) até 30 dias após o término das aulas, e assim sucessivamente até o máximo de 03 mensalidades (ou seja, até março do ano subsequente). Aquele que não submeter ao JSNC e/ou não tiver aprovado o TCC até o limite de um ano a contar do início do Curso, ou seja, até março do ano subsequente, impreterivelmente, perderá o direito ao certificado.

Treinamento em serviço
 

O bloco teórico-prático constitui-se de um treinamento em serviço e deve ser realizado na unidade de trabalho da/o enfermeira/o, observando os relatórios e avaliações necessários para obtenção do crédito. A/o candidata/o que não atua na área poderá se matricular no curso, mas será inteiramente responsável pela negociação do campo clínico para o treinamento profissional. O treinamento profissional também poderá computar atividades como participação em congressos, visitas técnicas, e outras definidas pela Coordenação. Também serão consideradas as horas obtidas em programas de simulação em saúde (http://iss.berkeley.com.br/site/about_us). O relatório deverá ser entregue online até  dezembro do ano corrente. Os documentos comprobatórios deverão ser digitalizados para comporem o relatório. Os originais deverão ser guardados com o próprio aluno pelo prazo de 06 meses pois a qualquer momento poderão ser exigidos para comprovação.

 

 

Copyright © 2001, 2018. Núcleo de Estudos e Pesquisas sobre as Atividades de Enfermagem - NEPAE
Dr. Celestino, 74 - Niteroi - 24020-091 - RJ - Brasil, (+55 021) 2629-9468; fax 2629-9466
Dra. Isabel Cruz, cel: (+55 021) 9958-9948